MAPAS-MOVIMENTOS DA QUEBRADA: Ausências e presenças em sistemas cartográficos

GABRIEL TEIXEIRA RAMOS

WhatsApp Image 2020-11-05 at 12.06.59 (1

Resumo:

Esta oficina tem como objetivo engajar, por meio da imagem-movimento e da cartografia, sujeitos subalternizados por estratégias cartográficas hegemônicas, realizando
hackeamento das mesmas. 

Na primeira parte da oficina, visa-se fazer uma breve reflexão sobre problemas de invisibilidade nas cidades, agudizados por sistemas cartográficos dominantes, como das plataformas da Google, mas também de outros que utilizam mapas (eventos do Facebook, postagens marcadas do Instagram ou Twitter, solicitações de viagem pelo mapa da Uber, solicitações de hospedagens pelo Booking ou AirBnB, dicas de locais pelo Click Advisor ou FourSquare etc., e utilização de mídias gerais: jornais, arquivos públicos etc.). (Observação: é interessante que os participantes já venham com alguma questão prévia. Isto pode ser combinado anteriormente, uma semana antes, via email).
Dessa reflexão e discussão, visa-se elaborar um breve roteiro, com duração de 2 a 3 minutos, em que se organize: um texto cuja narração deverá amarrar o problema; a definição de quais serão as plataformas e mídias utilizadas; uma definição clara do território urbano do problema (cidade ou rua, neste contexto, especificamente, periférica).
A partir do site Clipchamp (ou outro que os participantes desejarem), será realizada a operação de captura das telas. Pelo mesmo site (ou outro que os participantes desejarem), será montado numa linha do tempo, o filme. Postagem de vídeos em pasta no drive e exibição dos vídeos.


Data: 08/12

Horário: 19h

Duração: 180 minutos

Número de vagas: 20

Inscrições até: 26 de Novembro

Sala Virtual do Google Meet

Mini Currículo:

Arquiteto, escritor, pesquisador doutorando (IAU USP), professor do curso de arquitetura e Urbanismo (UAECSA/Regional Goiás/UFG), coordenador do grupo de estudos e práticas Caravanas Urbanas e da pesquisa-intervenção “Cartografias de deslocamentos do território urbano contemporâneo”. Tem interesse em experimentações críticas cartográficas, cinematográficas e imagéticas para leitura de deslocamentos urbanos.

Mediação:

Professora Ana Clara Gonçalves Dourado - IFB Campus Recanto das Emas