Documentário | 6 min | SP | 2020

Sinopse:

O filme parte do registro do projeto social artístico "Feito Tatuagem" em que artistas são convidados para escolher uma palavra que a artista Louise Helène pinta no rosto e corpo e o fotógrafo Sergio Santoian retrata.
Gaia foi a artista convidada a dar representatividade aos povos indígenas, com a palavra FLORESTA pintada na pele.
Depois do ensaio, com a pintura no corpo e de cocar, Gaia faz uma intervenção na av. Paulista e na estação Trianon MASP que abriga a exposição fotográfica do projeto, provocando todo tipo de reação da população, desde surpresa e empatia até preconceito e racismo. O texto-manifesto escrito e declamado em voice-over pela atriz ao longo da performance transforma esse "making of" em um ato de ocupação e protesto pela Floresta, pelo direito à Terra, pela Ancestralidade, pela Decolonização, contra o etnocídio e o apagamento identitário indígena.

MOSTRA COMPETITIVA DE CURTAS-METRAGENS BRASILEIROS

Floresta

Ficha técnica:

⦁ Texto/voz/performance: Gaia
⦁ Arte no corpo: Louise Helène
⦁ Fotografias: Sergio Santoian
⦁ Roteiro/direção/edição: Gaia / Patrick Raynaud
⦁ Imagens: Patrick Raynaud
⦁ Música: Nelson D
⦁ Tradução: Jan Onoszko
⦁ Produção Anauá Filmes (c)2020

Vote Agora
Gostou? AvalieNão gosteiNão é bomSatisfeitoMuito bomGostei muitoGostou? Avalie

REALIZAÇÃO:

PARCERIA:

© 2020 por Festival Recanto do Cinema